Menuidioma

Professora da UnB assume vice-presidência da Abrasco

  • 6 de Dezembro de 2012

Nova diretoria tomou posse para gestão de três anos na maior entidade técnico-científica do País da área de Saúde Coletiva

A nova diretoria da Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) tomou posse, no dia 17 de novembro, para um mandato de três anos. Entre os vice-presidentes eleitos, está a professora da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade de Brasília e coordenadora do Núcleo de Estudos em Saúde Pública (NESP), a enfermeira Maria Fátima de Sousa. Esta é a primeira vez que um representante da UnB integra a vice-presidência da maior entidade técnico-científica do setor.

“Sou o retrato da minha instituição e representante de um grupo. A UnB não poderia estar de fora, não só pela geografia política, mas, sobretudo, pela competência. Este é um reconhecimento e uma conquista pela visibilidade do trabalho desenvolvido pelo NESP e pelo Departamento de Saúde Coletiva (DSC)”, afirmou Maria Fátima.

APROVAÇÃO – A chapa única Fortalecer a Saúde Coletiva, o SUS e a Abrasco foi aprovada com 90% do votos dos associados individuais e por todas as instituições associadas à entidade. A posse da nova diretoria e do Conselho da Abrasco aconteceu durante o 10º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva, em Porto Alegre (RS).

Presidente eleito, o médico sanitarista Luis Eugênio Portela, da Universidade Federal da Bahia, revelou que seu primeiro compromisso será manter a trajetória crescente do número de artigos científicos publicados por autores da área da Saúde Coletiva e do seu impacto bibliográfico. 

AGENDA – Em fevereiro de 2013, a nova diretoria se reúne com outra vice-presidente, Ligia Bahia, para fazer um balanço da gestão; programar a agenda de compromissos do triênio 2012-2015 e discutir quais projetos poderão ser realizados. Uma das propostas da professora Maria Fátima é fundar a subsede da Abrasco na UnB. Segundo ela, “ganham todos: a Abrasco e a UnB, onde se poderia desenvolver uma série de projetos de extensão, de pesquisa e de graduação para dar visibilidade à instituição”.

Além da professora, integram a vice-presidência: Eli Iola Gurgel Andrade (UFMG), Laura Camargo Marcruz Feuerwerker (FSP/USP), Nelson da Cruz Gouveia (DMP/USP) e Nilson do Rosário Costa (ENSP/Fiocruz).

Fazem parte do Conselho diretor da Abrasco: Luiz Augusto Facchini (do Departamento de Medicina Social / Programa de Epidemiologia da UFPel); Lígia Bahia (do Instituto de Saúde Coletiva da UERJ); Rosa Teresa Onocko Campos (do Departamento de Medicina Preventiva e Social / Programa de Saúde Coletiva Unicamp); Eronildo Felisberto (do Programa de Pós-Graduação em Avaliação em Saúde IMIP) e Ethel Leonor Noia Maciel (do Programa de Saúde coletiva da UFES).

Por: Taís Guerino – Da Secretaria de Comunicação da UnB