Menuidioma

JUN/2011 – Bioética e Religião no Hemisfério Sul

  • 1 de Julho de 2011

Tema: Bioética e Religião no Hemisfério Sul

Expositor: Márcio Fabri dos Anjos
Professor do Programa de Doutorado e Mestrado em Bioética do Centro Universitário São Camilo.
Professor orientador de doutorado da Accademia Alfonsiana, da Pontificia Università Lateranense, Itália
Debatedor:
Wanderson Flor do Nascimento
Professor Adjunto do Departamento de Filosofia da UnB. Professor Convidado do Programa de Pós-Graduação em Bioética

Coordenador da mesa:
Volnei Garrafa
Professor Titular do Departamento de Saúde Coletiva da Faculdade de Ciências da Saúde. Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Bioética da Universidade de Brasília

Resumo

O quinto encontro do ano de 2011 do “Ciclo de Debates sobre Bioética, Diplomacia e Saúde”, promovido pelo Núcleo de Estudos sobre Bioética e Diplomacia em Saúde (NETHIS), em parceria com o Programa de Pós-Graduação em Bioética da Universidade de Brasília, com apoio da Direção Regional de Brasília da Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ Brasília) e da OPAS/OMS/Brasil, tratou do tema “Bioética e Religião no Hemisfério Sul” e contou com a participação, como palestrante, do Doutor Márcio Fabri; como debatedor, do Doutor Wanderson Flor e, como presidente de mesa, do Doutor Volnei Garrafa. Este encontro representou mais uma contribuição relevante para a construção dos trabalhos do NETHIS. É importante, ao estudar os problemas bioéticos que emergem dos processos de cooperação internacional, ficar-se atento aos possíveis entrelaçamentos ou atritos que existem, por vezes discretamente, entre religião e ciência no contexto da bioética latino-americana. Desta reflexão surge um tema que pode ser problematizado: a relação entre ciência e religião pode influenciar a análise da cooperação internacional em saúde sob o prisma da bioética?

Acesse o relatório (PDF)

Imagens