Ranking classifica consultor do Nethis como 8º melhor do mundo em hanseníase

  • 29 de Janeiro de 2021
Gerson Penna tem mais de 200 artigos publicados sobre doenças negligenciadas

O consultor do Nethis para doenças negligenciadas, Gerson Penna, está entre os cientistas que mais contribuíram para os estudos sobre doenças negligenciadas em todo o mundo nos últimos 10 anos. Penna figura em 8º lugar na lista Expertscape.com para hanseníase, um ranking que avalia as instituições e especialistas a partir da produção de conhecimentos científicos. No ranking mundial estão mais dois brasileiros, em primeiro lugar Euzenir Sarno e em sétimo Milton Moraes, pesquisadores do Instituto Oswaldo Cruz/Fiocruz.

Entre os dermatologistas, Gerson Penna é o primeiro dessa lista, sendo também o único cientista da Universidade de Brasília (UnB) a constar no ranking. Doutor em Medicina Tropical pela UnB e pós-Doutoramento em Saúde Pública no Instituto de Saúde Coletiva na Universidade Federal da Bahia, Penna é membro do Comitê Assessor em Hanseníase do Ministério da Saúde e Deputy Editor do PLOS Neglected Tropical Diseases.

O pesquisador já publicou mais de 200 artigos ligados ao tema, sobre pesquisas em novos tratamentos e novos medicamentos, determinantes sociais da hanseníase e determinação genética de transmissão da doença.

“Sinto-me alegre de estar neste ranking mundial e saber que as pesquisas contribuíram e tiveram esse impacto; e humilde por saber que as pessoas pelas quais a gente trabalha nem sabem que a gente existe. Ainda temos um caminho pela frente no combate à hanseníase”, afirmou Penna. Para ele, é gratificante estar em duas instituições, Fiocruz e Universidade de Brasília, que incentivam e valorizam a ciência, tecnologia e pesquisa.