Menuidioma

NETHIS ministra curso no pré-congresso Abrascão

  • 20 de Novembro de 2012

Tema inovador abordado pelo NETHIS atrai estudantes e profissionais da saúde

O Núcleo de Estudos sobre Bioética e Diplomacia em Saúde (NETHIS) ministrou curso integrado sobre Diplomacia em Saúde e Direitos Humanos e Bioética e Diplomacia no pré-congresso Abrascão – 10° Congresso de Saúde Pública:  Saúde é Desenvolvimento Ciência para Cidadania, no dia 15 de novembro, no campus Centro da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). O curso reuniu sete especialistas das áreas de bioética, direitos humanos, relações internacionais e saúde pública.

Para a coordenadora do curso, Alejandra Roa, a participação e interesse da turma facilitou a condução da atividade. “Muitos estudantes me procuraram para falar sobre a satisfação com os conteúdos abordados e a forma como foram expostos. Também mostraram interesse em continuar em contato com o NETHIS e participar das atividades do Núcleo, tentando aproximar suas respectivas instituições”, disse.
Alejandra comenta que “o curso trouxe de forma integral e integrada o que é o NETHIS e o interesse por gerar reflexões num campo transdisciplinar e atual para o qual os sanitaristas estão cada vez mais atentos”.

Os especialistas fizeram uma análise histórica até a agenda atual da relação entre direitos humanos, cooperação internacional e saúde, principalmente ao que diz respeito a Cooperação Sul-Sul, tema de estudos do NETHIS. Além de abordarem aspectos das Relações Internacionais, da Bioética e da Saúde, com especial ênfase para a cooperação internacional em saúde.

Outro coordenador da atividade, Thiago Cunha, acredita que o curso propiciou um excelente espaço de diálogo entre membros da comunidade da Saúde Coletiva sobre as dimensões bioéticas dos processos de cooperação internacional em saúde, a partir da introdução de dados históricos, conceitos analíticos e exemplos práticos. “Aos pesquisadores do NETHIS a participação no evento consolida e atualiza a agenda de estudos e pesquisas, especialmente no que se referem aos conflitos morais que emergem da problematização da saúde como um fator crítico do desenvolvimento”, afirmou.

A funcionária da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) Marisa Lisboa conta que escolheu o curso do NETHIS por conta do campo inovador da interdisciplinaridade da Bioética, Diplomacia e Saúde Pública. “É uma área que eu não domino. É sempre bom aprender. Gostei muito dos palestrantes e do conteúdo.” Marisa trabalha com parcerias internacionais, saúde e inovação relacionadas à cooperação técnica. “As temáticas do curso dizem respeito aos desafios da nossa realidade”, avaliou.

Marisa Lisboa e Fátima Santos

A funcionária pública Fátima Santos disse que participou do curso para consolidar sua experiência profissional. “Tem 30 anos que trabalho na área da saúde e acredito que posso contribuir para um mundo melhor”, concluiu.

 

O curso integrado sobre Diplomacia em Saúde e Direitos Humanos e Bioética e Diplomacia foi ministrado por:

Alejandra Roa

Aline Albuquerque Sant’anna de Oliveira

Carlos Henrique Assunção Paiva

Félix Rígoli

Fernando A. Pires-Alves

José Paranaguá Santana

Luiz Fonseca