Menuidioma

teste

Ciclo de debates: especialistas defendem regulação de bebidas alcoólicas

O uso nocivo do álcool é segunda maior causa de mortes evitáveis no mundo, ficando atrás apenas do tabagismo. Em 2016, mais de 3 milhões de pessoas morreram devido ao consumo danoso da substância, segundo relatório da Organização Mundial da Saúde (OMS). A regulação da comercialização de bebidas alcoólicas como…
Continuar lendo...

Fiocruz, Ministério da Saúde e Anvisa reúnem-se para discutir regulação de fatores risco a DCNT

Trocar experiências sobre a regulação de produtos (álcool, tabaco, agrotóxicos e alimentos ultraprocessados) que estão associados às doenças crônicas não-transmissíveis (DCNT) foi o principal objetivo do encontro na última terça-feira, 20 de novembro, na Assessoria de Assuntos Internacionais de Saúde do Ministério da Saúde (Aisa/MS). Participaram da reunião a equipe…
Continuar lendo...

Nethis apresenta resultados do Observatório de Regulação na Colômbia

O panorama regulatório internacional para tabaco, álcool, alimentos ultraprocessados e agrotóxicos foi apresentado pelo Núcleo de Estudos sobre Bioética e Diplomacia em Saúde (Nethis/Fiocruz) no V Congresso Latino-Americano e do Caribe de Saúde Global, realizado em Medellín, na Colômbia, entre 14 e 16 de novembro. Foram identificadas 43 resoluções internacionais…
Continuar lendo...

Nethis apresenta pesquisa em congresso da Unesco

“Não deve ser atribuída exclusivamente ao consumidor a responsabilidade pelo consumo de produtos maléficos à saúde. Na verdade, cabe ao Estado empregar mecanismos que sejam capazes de resguardar a sociedade dessas substâncias”. Foi o que sustentou a coordenadora de pesquisa do Núcleo de Estudos sobre Bioética e Diplomacia em Saúde…
Continuar lendo...

Estudo sugere ampliação de conceito de Diplomacia em Saúde

Pesquisa sobre regulação de alimentos ultraprocessados no Chile sugere ampliação do conceito de diplomacia em saúde. A reflexão de pesquisadores do Núcleo de Estudos sobre Bioética e Diplomacia em Saúde (Nethis/Fiocruz) foi publicada em artigo de divulgação científica no Mundorama, periódico on-line nos campos das relações internacionais e ciência política.…
Continuar lendo...

Agrotóxicos: Brasil lidera consumo e tem regulação frouxa

Comparado à União Europeia (UE), é até 5 mil vezes maior o limite brasileiro de glifosato permitido em água potável. O agrotóxico mais vendido no Brasil é o responsável pela decisão inédita da justiça americana em condenar a companhia Monsanto, gigante da indústria química e do agronegócio, a indenizar em…
Continuar lendo...

Regulação de ultraprocessados desafia Brasil

Chile, Peru e Uruguai têm enfrentado os interesses das indústrias e regulado as embalagens de produtos ultraprocessados, com advertência frontal nos recipientes. Na Europa, Portugal alcançou uma redução de 5,5 toneladas de consumo de açúcar desde que aumentou a tributação incidente sobre bebidas açucaradas como, por exemplo, os refrigerantes. O Reino…
Continuar lendo...

Ciclo de Debates: resultados da regulação do tabaco

A interferência da indústria do tabaco como principal obstáculo para adoção de políticas públicas efetivas e o papel da Convenção-Quadro da OMS para Controle do Tabaco (CQCT/OMS), tratado internacional que dispõe sobre medidas para a redução da epidemia do tabagismo em nível mundial, foram alguns dos temas abordados durante a…
Continuar lendo...