Menuidioma

Assista: programa da UnB TV discute Desigualdades em Saúde no Mundo

  • 7 de Junho de 2016

dialogos 1O pesquisador da Fiocruz Bahia Maurício Barreto e o coordenador do Nethis/Fiocruz Brasília, José Paranaguá de Santana, participaram do Programa Diálogos da UnB TV, que vai ao ar pela operadora NET, canal 15. Os pesquisadores conversaram sobre as desigualdades em saúde no mundo. “Nas últimas décadas, as condições de saúde têm melhorado como conjunto, mas as desigualdades estão se preservando e se agravando”, disse Paranaguá.

Barreto utilizou o indicador de expectativa de vida para exemplificar a desigualdade no mundo, em que a diferença entre países se aproxima dos 40 anos. “Um país que tem uma expectativa de 40 anos de vida e anos atrás tinha 20 anos, melhorou. E um país que tinha a expectativa de 40 anos e agora tem 80 anos, também melhorou, mas a desigualdades entre os países estão mantidas”.

Para ele, deve haver uma discussão ampla sobre justiça, se as desigualdades serão mantidas, se é justo ou injusto, se haverá como equacionar as diferenças. “Esse é um debate que, tradicionalmente, o sistema de saúde tem não entrado de maneira mais firme e isso deve ser parte mais ativa das discussões sobre políticas de saúde”, disse Barreto.

 Confira o programa completo aqui.